big daddy «4»

Um sonho/pesadelo no meio de tantos, mas mais datas vêm, mais anos passam e mais tempo corroí a ferida que não passa. são noites frias e solitárias quando histórias se vivem nos meus pensamentos mesmo quando não consigo controlar o seu aparecimento e o desenrolar tomando principio, meio e fim. nisto, apenas se vive:
ele "minha pequenina, desculpa senão fui forte o bastante para suportar aquele mal. não estarei contigo amanhã, nem depois, nem nunca mais. sei que vais estar dentro de mim a vida toda sem um fim e ainda que tu não vejas mais os meus sorrisos, a lembrança dos meus te satisfarão;  ainda que não consiga ouvir mais as nossas belas músicas minha filha, lembrarás a minha voz meiga e ficarás feliz. ainda que o pai não veja mais a luz do sol, ter conhecido o brilho dos teus olhos valerá sempre a pena."
ela "só pedia sentir de novo as tuas mãos a passarem-me pelo rosto e sentir o teu forte abraço num objectivo de protecção" - continuou pálida e quase em lágrimas.
ele "espero que continues a sonhar e realizar todos os teus sonhos e objectivos. não sofras por mim."
ela "eu sei que estaremos mais juntos do que nunca e é uma pena que a vida não me tenha dado a oportunidade de saber ainda como era bom viver ao teu lado"
ele soltou um suspiro, levou as mãos ao rosto e limpou uma lágrima e outra e outra que teimavam cair e disse "que em cada bater das ondas, sintas o meu sussurro de pai pronunciando-te um simples e mais significativo: eu amo-te demais minha filha".
vi-me tão serena, enquanto esperava ... a principio nem reparei nas lágrimas que me corriam aos sulcos pelas faces. no entanto continuava a esperar como se nada fosse. caminhava com ligeireza e com as pernas a tremer a distância em passadas ansiosas.

4 comentários:

catarina disse...

É real amor?
Devo postar hoje ou amanhã linda*

DanielaC disse...

Enquanto tua amiga, sei o quão esta situação é dolorosa para ti. O quão sentes a falta da tua figura masculina e como muitas vezes ainda vives a desgraça que te aconteceu. Mas sei que isso te ajudou a tornar na pessoa que és hoje, na Mulher especial que o mundo tem. Para mim és uma diva (como sempre dizemos) e acima de tudo, nunca te esqueças de ouvir do teu pai, diariamente, "...eu amo-te demais minha filha".
<3

DanielaC disse...

Se lembro ? Claro que lembro, lembrar'me'ei sempre ! Tal como terei sempre presente a amiga que és para mim e aquilo que representas na minha vida ! Vales muito minha melhor <3

Ari* disse...

ó querida, fico muito feliz por saber que essa é a tua opinião! :)