big daddy ♥





Um dia vou ver-te. Não sei a hora, o dia, o mês e o ano. Mas sei que vou ver-te. Aliás, na verdade, essa é a única certeza de que um dia, te vou ver ao fim de tantos anos. Essa certeza ninguém me pode tirar, e a máxima que tenho é de que realmente no fim de tudo, da minha vida, da vida da minha familia, nós fiquemos todos juntos, onde quer que seja. Sei que não importa só o ver-te fisicamente, vejo-te nos meus sonhos, vejo-te como se fosse ontem em que tinha 7 anos. Em que era uma criança. E Deus tirou-te de mim. Sim, eu sei que Deus não é o vilão da história, que não tira nada a ninguém e que devia ser o nosso "melhor amigo", e que se te levou é porque és um anjo. Mas não é justo.
Imagina um pai com a morte de um filho, e um filho com a morte de um pai. Para mim, ambos são horriveis. Consigo suportar a ideia de um pai perder um filho. Sei o que são as duas. Mas um filho, uma criança como eu fui, nunca vai ter a mentalidade de um homem para conseguir seguir em frente. E eu, sinceramente, sei que não superei nada e mesmo assim, quando era era pequena, era mais fácil suportar a tua perda. Suportar-te longe. Suportar-te invisível. Suportar apenas.

3 comentários:

Daniela* disse...

É tão dificil olhar e colocar'me no teu lugar, nã ter ao meu lado a presente masculina que mais amor nos pode doar! Deus não te o tirou, apenas fez com que ele tivesse um olhar previligiado sobre ti, porque hoje, o teu pai protege-te ternamente e com muito orgulho !
Adoro'te <3

backtodecember disse...

Pois mas eu também não sabia... Hoje estive a ver as publicações à procura de erros de escrita ou algo parecido e vejo que não aparece aquela cena "Sem Comentários" ou "3 Comentários" nas últimas publicações... Fui a ver e era uma opção de mensagem que tinha xD E depois fui aquela cena dos Comentários ver as opções e também tinha lá uma coisa mudada, que não dava para por os comentários nas publicações recentes, mas felizmente eu vi o meu erro e já mudei :) Espero realmente que não volte a acontecer e conto com vocês para me alertar*

backtodecember disse...

Obrigada querida. E eu gosto imenso da maneira extraordinária como tu escreves :')