# 1



"Desde o primeiro instante que soube que pertencíamos um ao outro. Nunca me apercebi de que estava tão só até me apaixonar por ti. Deitava-me ao teu lado e sentia que fazias parte de mim, mas, de certa forma estranha e misteriosa, também achava que não. E sentia que podia olhar para os teus olhos para sempre, tocar-te apenas e acariciar-te o teu rosto, a tua barba, e o que isso fazia sentir à minha mão, e ao meu coração, que parecia bater fora da caixa torácica... E olhávamos um para o outro e nunca eras o primeiro a desviar o olhar. Amava-te por isso... Sentia tal paixão por ti. Não conseguia dormir quando estavas longe de mim, nem conseguia fazê-lo quando estavas ao meu lado. Sentia esta enorme preocupação - nunca a consegui pôr por palavras, mas era como se o meu ser não suportasse tamanha emoção. "

14 comentários:

Pequeniña disse...

Não tem qualquer problema se não publicares o selo. Foi só um miminho porque gosto de te visitar :) Relativamente ao mp3 da imagem, é meu e dá várias cores. Já está é velhinho :(

MaGu disse...

Gostei!

astrid disse...

Consigo identificar-me neste texto..

Nix disse...

Lindo o texto!!

Para a próxima levo-te comigo, pode ser? :D

Sónia disse...

É difícil, mas dá tempo ao tempo (:
não tens mail de blogue? não consigo colocar por comentário /:

Carolina disse...

O texto está lindo, sincero... (:

- Eu só comecei a fazer ballet aos 14 anos, e era a mais nova da turma! Ainda vais a tempo :)

astrid disse...

tantos miminhos <3

astrid disse...

Pois é.
(estou a pensar por a minha verdadeira identidade no blog)

astrid disse...

porque gosto mais assim..

The Princess Without Heart disse...

Chorar faz me lembrar fraqueza ;x

Adorei este texto. Mas AMEI mesmo a imagem, eu adoro ballet e livros <3

Emilie Lorena disse...

Quando se ama sente-se tudo isto e este texto só prova a força com que tu já amaste e com a força que provavelmente ainda tens dentro de ti!

The Princess Without Heart disse...

Choras muito?
A mudança. referias-te ao ballet? o:

Knight disse...

Estive a cuscuvilhar o blogue não comentei quase nada. Acho que está sempre tudo tão completo e sentido que não tenho nada a acrescentar...

Parede Escrita disse...

Amei, simplesmente descreves.te um sentimento lindo, conseguiste por em palavras o que sentes, e isso é maravilhoso...este texto tocou-me :)