Dia 13 - Uma carta para alguém que te feriu recentemente


Ferir, ferir, acho que ninguém feriu. Pelo menos recentemente. 
E como não falo aqui da minha vida pessoal...
Só continuo a dizer que na realidade, hoje, preocupa-me não saber como é que me apaixonei
por ti.

19 comentários:

catarina disse...

Raramente sabemos o que nos leva a apaixonar por alguém, é o amor*
Oh, obrigada Lúcia, a sério <3

catarina disse...

Eu acho que nem sempre o sabemos, que por vezes acaba por ser um grande mistério. Claro que há gestos que nos conquistam, tal como eu escrevi no texto ou em outros mais antigos, mas nem sempre dá para o explicar. Por vezes não existem esses mesmos gestos, e nós acabamos por nos apaixonar*

Sílvia Oliveira disse...

Às vezes nunca vamos mesmo saber porque é que nos apaixonamos por determinada pessoa ..

Íris disse...

tinha um feeling que eras do cento :)
aqui também já abriu o sol :( paciência fica para a próxima e rezo para que na 1ª semana de Setembro esteja bom tempo para ir para a praia :)

Nix disse...

Concordo com os comentários anteriores, normalmente nunca sabemos bem ao certo o que nos levou a apaixonar-mo-nos por alguém.

Hás de encontrar, no WeHeartIt deve haver algum parecido, não? :D

Emilie Lorena disse...

Quando me apaixonei pela primeira vez também não fui capaz de explicar, no entanto agora consigo dizer os motivos pelos quais me apaixonei pela melhor pessoa que podia encontrar :) Quando é forte e sincero sabes sempre explicar o motivo :)

A introdução da criança foi fundamental para a consolidação da recuperação dela :) Esta história é baseada em mim. Apesar de não fumar e de ainda não ser mãe, os sentimentos negros e os fantasmas pertenciam-me. E esta versão é a perspectiva do meu namorado.

Íris disse...

sendo assim estás de ferias, certo?
as duas ultimas de agosto é esta e a próxima...

Íris disse...

não sei, talvez pela escrita! não sei. normalmente consegue-se ver quem é do norte ou do sul pelas expressões e tu não tens muitas nem dum lado nem doutro! :)

Íris disse...

para a piscina vou a tempo agora para a praia não porque ainda é meia / uma hora de viagem :\

Íris disse...

já vai sem um pouquinho tarde para ir para a praia mas vamos fazer figas para que esteja bom tempo :)

Emilie Lorena disse...

Quando escrevo tento ser um reflexo de tudo o que vive em mim, sejam memórias ou simplesmente sentimentos. Acho que quem escreve deve fazer isso :)
Olha é bem verdade, nem sempre é fácil perceber. Mas com o tempo, normalmente conseguimos ver tudo o que nos levou a sentir tal coisa. Só mesmo o tempo...

Íris disse...

não, sou do norte ! :D eu também apanho os sotaques e expressões com facilidade mas a escrever é diferente porque é pensado.

Quando tu não estás disse...

O amor é assim...

éme disse...

realmente é um mistério imenso o porquê de nos apaixonarmos por certas pessoas xD

"não sejas tonta xd" - óh lú fizeste-me lembrar do meu mocinho xD e quando dizes "minha éme" fazes-me lembrar de uma grande grande amiga minha :) eu não fiquei na praia assim, o calor estava insuportável e o mar também xD

éme disse...

nunca fui a "bora bora", mas já que deste a ideia podíamos lá ir xD

alguém igual a mim era demais, não ia gostar nada (a menos que fosse irmã gémea) e espero nunca ver a minha sósia... xD

bom dia princesa* está tudo bem contigo?

éme disse...

obrigado lú, às vezes deixas-me sem palavras raparigas, já nem sei como agradecer a tantos elogios :$

só mesmo o tempo e talvez quando já não estamos com a pessoas é que conseguimos ver o porquê que gostávamos tanto dela, na altura quase nunca ninguém consegue explicar.

fui à praia da Torre, em Oeiras.

éme disse...

sim, fica combinado então irmos lá se tudo correr bem - como espero que corra para as duas - nem que seja daqui a uns bons bons anos..

vou admitir publicamente, não sei o que quer dizer snube :| pronto disse :$

eu gostava imenso, e digo imensas vezes que tenho uma, mas que estamos no mesmo corpo (não ligues) xD

a tu não deves ser, pelo menos acho que não, nunca te vi mas imagino-te de uma maneira e és "bastante" diferente de mim, mas era bastante giro se fossemos sósias :)

é uma praia pequenina, sem nada de especial mas muito agradável e como é "difícil" acesso não vão para muitos "chungas" xD

então não vou agradecer, mas mais uma vez deixas-me sem saber o que dizer princesa :$

óh Lú.. tantas perguntas, vamos lá ver se consigo responder a todas, mas acho que não... a primeira e a segunda não sei (acho que eram retóricas, só pode xD) porque quando já não estamos com a pessoa, ou passado a fase do encantamento vêm as discussões e normalmente porque cada um têm a sua opinião, na fase do encantamento não, a fase do encantamento estão a conhecer-se e a opinião do outro - mesmo que seja diferente é fofinha xd

desculpa o mega comentário xD

éme disse...

também sou envergonhada, mas uma coisa que não gosto é ter muita ente em cima de mim, preciso de espaço e de não estar na areia a ouvir a conversa toda das pessoas que estão ao lado xD

sim, pelas imagens aquilo parece mesmo o paraíso.. ah obrigado pela explicação.. bem deve de ser super giro fazer snube :)

ahah como sabes que não tão linda como eu? nunca me viste lú, posso até nem ser linda...
não sei, acho que não somos muito parecidas, por exemplo imagino-te gira tipo cabelo preto cumprido com caracóis ou ondulado, olhos pretos, tom de pele meio para o claro deves ser alta, ter um corpo giro... não sei é só como te imagino, e eu não sou nada assim xD

Parede Escrita disse...

Isso depende dá situação, há paixões que acontecem assim do nada, e nós nem sequer estávamos há espera disso :)